O que é o dente do siso?

Os dentes do siso ou terceiros molares, são os últimos dentes a nascer. Habitualmente a sua erupção dá-se na transição da adolescência para a idade adulta. São comummente conhecidos por “dentes do juízo” por nascerem entre os 17 e os 21 anos de idade, em alusão à maturidade que é alcançada com o natural evoluir da idade.

No total temos 4 dentes do siso, dois em cada maxilar (superior e inferior), e em condições normais nascem de forma progressiva, sem qualquer sintoma.

Extração do Dente do Siso

Como habitualmente os dentes do siso são os últimos dentes a nascer, é comum não haver espaço suficiente na boca para os acomodar. Esta situação pode levar a que os dentes fiquem inclusos (encerrados no tecido gengival devido a outros dentes ou osso) ou que afetam negativamente os dentes vizinhos, dando origem a edema ou flacidez da face. Por outro lado, os dentes que estejam parcialmente erupcionados ou que não nasceram direitos, podem também dar origem a infeções.
Em todos estes casos, é determinante que antes dos 20 anos as pessoas façam uma avaliação junto do seu médico dentista para saber se é necessário ou não a sua extração.
Os dentes do siso podem também ser removidos quando existe a necessidade de criar espaço para o tratamento com aparelhos dentários. No entanto, se estiverem numa boa posição, saudáveis e em perfeita função, podem ser mantidos para sempre na boca.

Como é feita a extração?

A extração do dente do siso é um procedimento rotineiro, que deve ser recomendado pelo médico dentista. Pode ser necessário recorrer a uma anestesia geral ou a uma anestesia local na zona da intervenção cirúrgica.
Depois da extração do dente do siso, é natural que lhe seja pedido para morder uma compressa durante 30 a 45 minutos, para estancar a hemorragia. Poderá sentir alguma dor ou inchaço, que deverá passar após alguns dias. Se permanecer por muito tempo, deve contactar o seu médico.

Como funciona o pós-operatório?

Após a extração dos dentes do siso, é natural que sinta algum desconforto, inchaço ou dor. Para minimizar esses sintomas, o seu médico vai dar-lhe algumas indicações que vão ajudar a sua recuperação.

  1. Morder a compressa durante 30 minutos para estancar a hemorragia
  2. Aplicar gelo sobre a face durante 10 minutos, várias vezes ao dia
  3. Repousar e evitar esforços físicos
  4. Dormir com a cabeça elevada
  5. Não bochechar ou cuspir nas primeiras 24 horas
  6. Tomar a medicação prescrita pelo médico